Finalista do Prêmio Jabuti - categoria Infantil

Livro "Altamente Recomendável" pela FNLIJ

Seleção "30 Melhores Livros de 2020" da Revista Crescer

 
"No momento certo, folheie as páginas deste livro como o vento faz com as nuvens, deixando a chuva cair e levando embora tudo que é cinza e pesado.”

 

Este livro nasceu de uma poesia escrita pelo ator e arte-educador Yuri de Francco, na qual um menino, já desmilinguido de tanto chorar, chove. Como nuvem mesmo. Ou, talvez você concorde comigo, como quase todos nós.

Nas mãos do artista plástico Renato Moriconi, o livro capturou o movimento que essa chuva e esses sentimentos todos sugerem, não só com as palavras e as ilustrações, mas o próprio livro como objeto. “O menino que virou chuva” é um híbrido de livro ilustrado e folioscópio, ou flipbook

 

 

Ficha técnica

Brochura

144 páginas

15.5cm x 21cm

ISBN: 978-65-8666-601-4

 

Os autores

YURI DE FRANCCO

nasceu na cidade de São Paulo, a chamada “terra da garoa”. É escritor, ator e arte-educador. Desenvolve pesquisa em diversas linguagens artísticas para o público infantil, tais como teatro, literatura e música. Os dias de chuva são os seus preferidos, ainda mais com filme e cobertor. Um fato curioso é que ele não gosta de bolinho-de-chuva, vai entender! “O menino que virou chuva” é o seu primeiro livro. “De muitos”, como ele gosta de dizer.

RENATO MORICONI

Nasceu em Taboão da Serra, em São Paulo. É artista plástico e autor de livros. Prefere não sair na chuva, pois não gosta de se molhar. Mas, quando nuvens nascem em sua cabeça, recorda-se do que sua mãe lhe dizia em momentos de tormenta: "Isto vai passar". 

O Menino Que Virou Chuva

R$48,00
O Menino Que Virou Chuva R$48,00

Finalista do Prêmio Jabuti - categoria Infantil

Livro "Altamente Recomendável" pela FNLIJ

Seleção "30 Melhores Livros de 2020" da Revista Crescer

 
"No momento certo, folheie as páginas deste livro como o vento faz com as nuvens, deixando a chuva cair e levando embora tudo que é cinza e pesado.”

 

Este livro nasceu de uma poesia escrita pelo ator e arte-educador Yuri de Francco, na qual um menino, já desmilinguido de tanto chorar, chove. Como nuvem mesmo. Ou, talvez você concorde comigo, como quase todos nós.

Nas mãos do artista plástico Renato Moriconi, o livro capturou o movimento que essa chuva e esses sentimentos todos sugerem, não só com as palavras e as ilustrações, mas o próprio livro como objeto. “O menino que virou chuva” é um híbrido de livro ilustrado e folioscópio, ou flipbook

 

 

Ficha técnica

Brochura

144 páginas

15.5cm x 21cm

ISBN: 978-65-8666-601-4

 

Os autores

YURI DE FRANCCO

nasceu na cidade de São Paulo, a chamada “terra da garoa”. É escritor, ator e arte-educador. Desenvolve pesquisa em diversas linguagens artísticas para o público infantil, tais como teatro, literatura e música. Os dias de chuva são os seus preferidos, ainda mais com filme e cobertor. Um fato curioso é que ele não gosta de bolinho-de-chuva, vai entender! “O menino que virou chuva” é o seu primeiro livro. “De muitos”, como ele gosta de dizer.

RENATO MORICONI

Nasceu em Taboão da Serra, em São Paulo. É artista plástico e autor de livros. Prefere não sair na chuva, pois não gosta de se molhar. Mas, quando nuvens nascem em sua cabeça, recorda-se do que sua mãe lhe dizia em momentos de tormenta: "Isto vai passar".